Quem é Kitagawa Kenji?

O mais recente single do NMB48 tem o nome bem curioso: “Kitagawa Kenji“. E, desde o início, chamou a atenção pelo motivo de terem escolhido o nome de alguém.

Então, eu só soube no último MUSIC JAPAN a razão. Kitagawa Kenji é um staff do AKB. Ele e também foi um dos produtores do dorama Majisuka Gakuen 1 e 2, e dirigiu o comercial da Cup Noodle com Atsuko Maeda.

E o próprio acabou aparecendo no programa:

Tá certo que muita gente já deveria saber sobre isso. Principalmente os fãs da franquia 48. Mas fica a curiosidade de conhecer quem é a figura.

No programa HEY! HEY! HEY! Music Champ, Sayaka Yamamoto deu maiores detalhes sobre a música a qual não é exatamente sobre o staff, mas de um garoto que tem inveja de Kitagawa Kenji. E um último detalhe. No clipe da música, e o próprio Kitagawa quem faz o papel de professor?

FONTE: Tokyohive, AKBfriends e Jstation

Yukari Tamura e motsu: quando kawaii e o eurobeat se encontram

A dubladora Yukari Tamura lançou, semana passada, seu terceiro best álbum da carreira “Everlasting Gift“. O álbum foi bem na Oricon, ficando em #3 com 27.572 cópias vendidas. Mas o que me chamou atenção é justamente a faixa inédita. A música é “Party ha Owaranai” e conta com a colaboração de motsu do m.o.v.e.

Achei bastante curiosa, para não dizer estranha, essa colaboração do kawaii com o eurobeat. Confiram também uma apresentação no programa MUSIC JAPAN:

Essa não a primeira vez que os dois trabalharam juntos. Antes foi com “You & Me“, desta vez sendo algo mais do estilo do m.o.v.e. Performance no Animelo Summer Live 2010:

E pelo jeito irão fazer a apresentação de “Party ha Owaranai” também. A camisa do motsu na imagem é da edição de 2012 “Infinity” do Animelo.

Aposta J-music: Dancing Dolls

Depois de um bom tempo, voltando com o espaço de apostas do J-music. O primeiro post foi com Leo Ieiri, e fico feliz de ter acertado sobre ela. Leo tem ganhado visibilidade e vendas, e muita gente está elogiando o seu trabalho, o que é merecido. Na minha primeira tentativa, acerteiem cheio. Vamos ver as próximas?

Na verdade, tenho para falar sobre duas artistas que já fizeram seu debut major nas últimas semanas. Infelizmente não tiveram o mesmo sucesso que Ieiri, mas continuo apostando em ambas para o futuro. Uma é outra cantora que pretendo fazer um post semana que vem. Enquanto isso vou falar que um novo grupo Dancing Dolls, quinteto feminino que realizou seu debut major com single “Touch -ASAP- / Shanghai Darling” em 12 de setembro.

Dancing Dolls é um grupo formado por 5 amigas de infância e que, no momento, estão no ensimo médio. Elas são de Osaka, e foram ganhando popularidade atrvés de apresentações no Osaka Castle Park e, principailmente, de vídeos de performances postados em seus canais no Youtube, Nico Nico Douga e outros. E após terem mais de 10 milhões de visualizações, conseguiram contrato com a Sony Music Japan e debutando como Dance&Vocal group e não grupo idol (mesmo caso das Fairies e E-Girls).

Infelizmente o canal “amador” delas foi fechado após seu debut, e o novo oficial está bloqueado para fora do Japão. Política adotada pela Sony Music Entertaiment (e que me deixa P da vida). Mas tem vídeos delas espalhados por aí, mostrando que elas já tem um boa base de fãs. Inclusive, elas já participaram de eventos/festivais dedicados a artistas que fazem sucesso pelo Nico Nico Douga.
Continuar lendo

Performance: Atsuko Maeda e Yuko Oshima cantando Choo Choo Train

Deixando uma performance do AKB48 e EXILE, com o hit “Choo Choo Train“, no programa EXILE Tamashii. Ainda com Maeda cantando junto com Yuko Oshima.

Mesmo sendo breve, me surpreendi com as vozes de Maeda e, principalmente, Oshima. Muito boas. Acchan já havia feito uma boa apresentação de “Kimi wa Boku da” do Music Station e outros programas, mas não sabia que Yuko também pode dar conta do recado.

O mais engraçado que não vemos isso geralmente nas pefromances do AKB e até algumas units. Poderia dar mais liberdade para as integrantes cantar, e menor dependência do playback.

Por que não deixam as gurias realmente cantar Aki-p?

J-week #7: A volta de Koda Kumi

Capa da última edição da revista ViVi, com a mamãe Koda

Koda Kumi fez o seu retorno no programa Music Station dessa semana. Sua primeira aparição após dar a luz a um menino. Ela apresentou seu mais recente single “Go To The Top“.

E a expectativa era grande para ver como será o estilo da, agora, “mamãe Koda”. Certamente algo mais light do que estávamos acostumados. Achei a peroformance bem simples, mas também não podia exigir muito dela. E ela já em ótima forma!

E Koda não para mesmo! Já saiu anúncio de novo single “Koishikute” (恋しくて)”, uma balada que já tem um preview AQUI. Destaqu também para a b-side “Alone“, que é um cover de Mayo Okamoto, e foi com ela que Koda cantou na audição que fez para entra na Avex, em 2000.

Top 5 – SCANDAL

SCANDAL lançou em setembro dois trabalhos, o single “Pin Heel Surfer“, e o quarto álbum “Queens are trumps -Kirifuda wa Queen-“, o qual gostei bastante, mostrando a evolução no som delas ao longo da carreira. Apesar de ainda achar “BABY ACTION” o melhor álbum delas.

E aproveitando a ocasião, fazer o Top 5 desta que é uma das bandas de J-music mais queridas pelos fãs ocidentais e, principalmente, brasileiros.

Confiram!

5. Emotion

Emotion” é b-side do single “Pride“. A princípio me chamou a atenção por ter sido composta por RINA (baterista), sendo, até então, a única música criada por só uma integrante. E me chamou bastante a atenção por ser algo pouco diferente que elas apresentam em seus trabalhos principais, mas continuando com o estilo rock da banda.

4. HARUKAZE

A combinação entre BLEACH e SCANDAL é uma das melhores que existe, e a comprovação veio com “HARUKAZE“, segunda música da banda como tema de abertura. Pode não ter o mesmo impacto da próxima posição, mas “HARUKAZE” entrou também no gosto dos fãs. Destaque para a letra, muito bonita.

3. Shoujo S

Não sou um grande fã da série, mas BLEACH tem um grande contribuição para o J-music: de vários artistas ganharem grande destaque após ter uma música sua como tema do anime. E um desses foi o SCANDAL. “Shoujo S” foi que definitivamente colocou a banda no cenário mainstream (estiveram pela primeira vez no Music Station, por exemplo), e também com uma grande base de fãs fora do Japão.

Outra marca da banda começou no clipe de “Shoujo S”: de coreografias junto com a música. Os fãs gostam muito e sempre esperam por uma nova dança em cada novo clipe delas.

2. SAKURA Goodbye

Conheci SCANDAL de maneira acidental, e foi na época que lançaram “SAKURA Goodbye”. E gostei logo de cara da música e banda. Elas começaram a fazer sucesso além da sua região (Osaka), e também no Ocidente por causa de um turnê em 2008.

A música tinha o nome original somente de “SAKURA”, e tem como tema gradução sendo que foi composta na época que TOMOMI e MAMI se formaram no ensino médio. E revendo o vídeo, nossa, como elas estão diferentes.

1. SCANDAL BABY

A música é antiga, presente no primeiro álbun “BEST★SCANDAL“. E, desde então, sempre fez grande sucesso nos show delas, sendo presença obrigatória em qualquer setlist delas. Tanto que a música está no best álbum “SCANDAL SHOW“.

Outras músicas: Tokyo Skyscraper, Pride, Haruka, DOLL, SCANDAL Nanka Buttobase, Shunkan Sentimental e EVERYBODY SAY YEAH!.